SINDHOSP/SL VAI ORIENTAR SOBRE MEDIDA PROVISÓRIA

O Presidente do SINDHOSP/SL, Pedro Wanderley de Aragão, esteve reunido com os Assessores Jurídicos do Sindicato,

Ana Amélia Figueiredo Dino, Valéria Lauande Carvalho Costa e Sálvio Dino de Castro e Costa Júnior, do escritório Dino, Figueiredo e Lauande Advocacia, para tratar sobre os impactos da Medida Provisória nº 873, de 1º de março de 2019, que alterou diversos artigos da Consolidação das Leis do Trabalho (CLT) e vai afetar o texto dos próximos instrumentos coletivos a serem firmados pelo SINDHOSP/SL. Ao final da reunião, ficou decidido que a Assessoria Jurídica orientará os associados sobre o tema, por meio de informativo que será encaminhado a todos e, também, através de esclarecimentos a serem prestados durante a próxima Assembleia da entidade.