https://www.youtube.com/watch?time_continue=46&v=qWNe8gsQ3eI

Método criado por brasileiros harmoniza partes de medicamentos já prescritos para criar substâncias capazes de matar bactérias resistentes. Versão testada em ratos combina o mosaico antimicrobiano com molécula presente na goiaba.

As infecções causadas por bactérias resistentes são um dos grandes desafios do século. Os micro-organismos respondem pouco aos antibióticos disponíveis, agravando a situação do paciente e podendo levá-lo à morte. Preocupada, a Organização Mundial da Saúde (OMS) tem alertado sobre a importância de combater esses patógenos, que adoecem cerca de meio milhão de pessoas, estima a entidade. Nesse sentido, um grupo internacional liderado por brasileiros desenvolve um método de produção de antibiótico capaz de matar as superbactérias e que poderá ser usado, inclusive, para a remodelar a fabricação de remédios já existentes.

Ainda há tempo para fazer sua inscrição pelo e-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

O Sindicato dos Estabelecimentos Prestadores de Serviços de Saúde em São Luís (SINDHOSP/SL) realiza no próximo dia 19, às 19h, a solenidade de abertura do II Curso de Infecção relacionada à Assistência à Saúde e Segurança do Paciente, no auditório do Conselho Regional de Medicina do Maranhão (CRM/MA).